Uma reflexão acerca do Protocolo para Julgamento com Perspectiva de Gênero